O Palmeiras deu ou levou o chapéu?

dudu gremio palmeiras 1024x647 O Palmeiras deu ou levou o chapéu?

Todo ano é a mesma coisa, a imprensa inventa um super craque e dois ou três grandes clubes acabam brigando por ele, o resultado? Bom, é sempre o mesmo, o cara some e no ano seguinte inventam outro.

Essa pode ser, ou não, a história de Dudu, o fato é que o jogador nunca fez nada de relevante na sua carreira e o maior destaque na sua carreira foi a briga entre dois grandes de São Paulo, porque futebol, bom, isso não vimos muito.

Os números dizem por si só, no último Brasileiro marcou 3 gols contra 2 de Malcom, do Corinthians e foi pior do que todos os atacantes do São Paulo, alias, pior até do que zagueiros do time do Morumbi.

Outro fato marcante na carreira de Dudu é que nenhum dos clubes por onde passou fez muita questão de mantê-lo, na verdade, Atlético-GO, Cruzeiro, Grêmio e Dinamo o passaram pra frente com certa facilidade, o maior entrave entre do Dinamo e o Corinthians era o pagamento (sim, o clube só queria receber, era só pagar que levava) e com o SPFC foi a vontade de Dudu ganhar mais do que seu futebol merece e mais do que jogadores mais importantes que o tricolor possui em seu elenco.

Mas e o futuro? Será que ele conseguirá se destacar no Palestra?

Essa é a grande dúvida, porque no Grêmio ele dividia o ataque com Barcos, jogador que possui uma certa qualidade e boa finalização, algo que Dudu não encontrará no Palmeiras, porque Henrique, jogador bem esforçado e que até marcou vários gols em 2014, não renovou com o time verde.

Mas para o jogador existe uma vantagem em ter escolhido o Palmeiras: Entre os três times paulistanos, somente no Palestra Itália ele vai conseguir ser titular logo de cara, isso porque o Corinthians possui outras opções para a posição e no São Paulo a briga seria muito mais pesada, pois teria que brigar para conseguir ficar no banco de reservas, disputando vaga com Osvaldo, Ademilson e Ewandro. Já que o time do SPFC possui meio de campo e ataque de nível alto com Kardec, M.Bastos, Ganso, L.Fabiano e Pato, todos melhores tecnicamente e com mais brilho em duas carreiras.

O que resta ao torcedor agora é esperar o desempenho do atleta e torcer para que a pressão não atrapalhe, afinal, muitos dizem ser a maior contratação da história do Palmeiras (em termos de valores financeiros) e o torcedor palmeirense mais antigo está acostumado com contratações que chegam e fazem história, já os mais novos vivem com a falta de paciência.

Mas a pergunta não quer calar, quem deu o chapéu em quem? O Palmeiras que ‘ganhou’ (SCCP e SPFC já haviam declarado estar fora do negócio) uma disputa com seus rivais diretos ou Dudu, que conseguiu fechar um contrato de 4 anos com um clube grande sem ter feito muita coisa na carreira?