Malafaia, Boechat e a rola!

rola 720x523 Malafaia, Boechat e a rola!

Semana passada o ‘jornalista’ da BAND Ricardo Boechat fez um discurso contra religião em seu programa de rádio, o pastor Silas Malafaia não gostou das acusações profanas e através do Twitter protestou, então Boechat soltou ao vivo:

Malafaia, vai procurar uma rola, vai. Não me encha o saco. Você é um idiota, um paspalhão, um pilantra, tomador de grana de fiel, explorador da fé alheia e agora vai querer me processar. Você gosta é muito de palanque, eu não vou te dar palanque porque tu é um otário.

Antes de fazer uma analise do que aconteceu, vou aconselhar o leitor fazer o básico, algo que aprendemos desde pequenos, que é: “se por no lugar na pessoa”, mas de uma maneira um pouco mais complexa: Pegue a frase do Boechat e imagine que ela foi dita por Silas Malafaia para o Jean Willys, conseguiu imaginar? Agora imagine como a imprensa iria reagir a isso!

Agora vamos imaginar outra situação, a que você entra em contato com um jornalista através de uma rede social, dizendo que não concorda com ele (algo normal) e o cara te responde ao vivo mando você procurar rola! Complicado né?

E a terceira situação: Você está trabalhando, passando seu ponto de vista e um cara entra em contato com você, através de uma rede social, e diz que discorda de você, você mandaria essa pessoa procurar uma rola?

Com essa simples reflexão, deixo claro aqui que não estou olhando as duas pessoas e sim a situação, afinal, não gosto de nenhum dos dois, mas imagino que fique bem difícil para muitas pessoas conseguirem analisar friamente o ocorrido devido as suas predileções.

Não vou defender ninguém, só vou deixar que cada leitor interprete esse ato a sua maneira, mas apenas peço que pense a situação através de diversos pontos de vista.