Netflix apela em campanha com Valesca Popozuda e comete autodestruição!

netflix valeska popozuda 720x400 Netflix apela em campanha com Valesca Popozuda e comete autodestruição!

A agencia que cuida da conta da Netflix não exitou em seguir o caminho mais fácil (o que chamamos de falta de vontade de trabalhar) e pegou uma ‘artista’ polêmica para sua campanha na Parada Gay.O que temos contra a Parada Gay ? Absolutamente nada!

Contra a Valesca Popozuda? Também nada

Contra o Netflix? Até gostamos da empresa, mas depois dessa, um pouco menos!

Então qual o problema?

O problema é posicionamento de marca e a falta de vergonha na cara de mais uma agencia de publicidade, a começar que a grande maioria das agencia não sabem trabalhar marcas, isso é um fato, só basta olhar para os nomes das próprias agencias, que mais parece uma sopa de letrinhas…

Uma boa campanha conta uma boa história, sempre ressaltando os valores daquela marca, isso é bem romântico e bem funcional, a Coca Cola vive assim faz 129 anos. Acho que não preciso defender o seu sucesso, né?

Só que no meio do caminho vimos algumas marcas sendo destruídas com ações idiotas de agencias de publicidade, afinal, como conseguir passar uma boa história, com pouca grana e conseguir além de alcance, uma boa aceitação? Algumas partem para o caminho mais fácil, o que se usa menos o cérebro, que é pegar uma data já existente, contratar uma pessoa famosa e tocar uma musiquinha tosca. Ai você entra na postagem do Facebook e vê números gigantes e defende esses números como um puta sucesso!

Tá certo isso? Talvez não, porque qualquer pessoa mais desconfiada vai analisar o qualitativo da ação e não apelas o quantitativo e vai descobrir que o obvio: A grande maioria de quem viu ignorou, dos que resolveram tomar alguma ação, a maioria criticou a ação e o pior de tudo, de quem gostou da ação, não assimilou valores da marca e sim valores do artista, que não tem nada a ver com a marca. Resultado mais do que lógico: a longo prazo essa campanha vai mais atrapalhar do que ajudar!

Lendo esses comentários podemos ver o obvio: As pessoas que não gostaram argumentam que contrataram Netflix para justamente escolher não ver certos conteúdos, que viam na TV aberta, e que agora a campanha resolveu valorizar, um puta tiro no pé!

Isso sem contar o bobo da corte, que fica fazendo os piores comentários do mundo logado com a conta do Netflix, ironizando quem não gostou e incentivando com frases chulas quem gostou… O que pode ser visto no mínimo como arrogância!

Agora temos uma marca arrogante e que impõe conteúdo, exatamente o oposto do que esperávamos do NETFLIX!