O mito chamado HERÓI que pune os homens bem sucedidos

pele 720x405 O mito chamado HERÓI que pune os homens bem sucedidos

Não é de hoje que homens bem sucedidos sofrem de maneiras desleal consequências de seu sucesso, onde as pessoas creditam a eles a responsabilidade que eles nunca pediram.

Para ilustrar esse artigo, vou usar o caso do Pelé, homem que foi um grande jogador de futebol, em termos de imagem é o que mais ganhou dentro do futebol, mas isso é um detalhe, porque o que vimos é o seu enorme talento com a bola nos pé, que querendo ou não, era fora do comum.

Mas derrepente vimos acontecer um fenômeno: um homem comum que joga futebol com talento incrível passa a ser visto como um homem diferente, como um Herói:

Herói é uma figura arquetípica que reúne em si os atributos necessários para superar de forma excepcional um determinado problema de dimensão épica. O herói será tipicamente guiado por ideais nobres e altruístas – liberdade, fraternidade, sacrifício, coragem, justiça, moral e paz.

Só que ai que tá, jogar futebol de maneira incrível não faz dele um herói fora do campo, pelo menos não deveria. Pelé sofre disso, as pessoas exigem dele uma postura fora de campo que ele nunca se propôs a fazer, cobram dele posicionamentos específicos, Edson não pode mais ser Edson, ele ter que ser o que as pessoas querem que ele seja, por isso elas exigem dele frases, posicionamentos, discursos, brigas, etc.

Um caso claro disso é em relação a racismo, quando aluns jogadores foram ofendidos por torcedores e a imprensa foi correndo até Pelé, que por ser negro, deveria seguir uma cartilha pré-determinada, mas Edson foi Edson, não quis seguir a cartilha e até criticou o coitadismo dos jogadores.

Isso foi o suficiente para grande parte da imprensa e dos “intelectuais”, todos ligados a movimentos de esquerda caíssem matando, passaram a tratá-lo como covarde, como incoerente e o mais surpreendente, alguns jornalistas passaram a dizer que Pelé não se posiciona.

Bom, ser contra, fazer uma critica e dizer que faria o contrário me parece ser um posicionamento bem definido, mas para alguns isso não acontece, para essa turma a palavra posicionamento só serve quando é exatamente o que eles pensam, qualquer coisa diferente disso é negativo, é ruim, é falta de posicionamento, é covardia, como se posicionar na contra mão de quem o está questionando não fosse um ato de coragem por si só.

Bom, assim concluo esse pensamento, em que algumas pessoas com intensões duvidosas se aproveitam de heróis de algumas coisas para confundir a mente do povo e obrigá-lo a ser herói em outros temas, como uma forma de chantagem.

Vale lembrar que tenho meu ponto de vista sobre o Pelé e não estou defendendo ele ou as coisas que ele diz, só estou ilustrando como grandes celebridades sofrem tentativas de manipulação através de chantagem para dizerem o que um pequeno grupo quer e você pode acabar sendo enganado com essa artimanha maliciosa.